Metrô de São Paulo admite: trens abriram portas em movimento


Falhas de segurança e operação colaboram
para o caos diário nas estações de metrô
/ Danilo Ramos/RBA

Empresa acumula superlotação, acidentes, falhas de segurança e denúncias de corrupção. Agora, argumenta que é normal portas se abrirem antes que composições parem totalmente

Tadeu Breda, RBA

A Companhia do Metropolitano de São Paulo admitiu, em nota enviada à reportagem na tarde de ontem (12), que duas composições do Metrô realmente abriram portas em movimento nos últimos dias 1º e 2. E argumentou que é “normal” as portas se abrirem antes da imobilização completa do trem.

Ocultado pela empresa, o defeito foi denunciado por RBA e Outras Palavras na última quinta-feira (7), com base no relato de funcionários e no registro de falhas da própria companhia. Por isso, o Metrô não teve como negá-las. As panes ocorreram nas estações Pedro II e Belém, na Linha 3-Vermelha, e acometeram dois trens recém-reformados pelo consórcio MTTrens. As composições pertencem à chamada frota K, recordista em problemas.”
Enviar: Google Plus

About Antonio Ferreira Nogueira Jr.

Contato- nogueirajr@folha.com.br
Revista- WMB

    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários: