PSDB morre de medo de secar junto com o Cantareira

Fernando Brito, Tijolaço 

Não é intriga a notícia de que o PSDB entrou na Justiça para investigar a pesquisa Datapopular, divulgada ontem, em que 70% dos paulistanos culpam o Governo Geraldo Alckmin e a Sabesp pela crise de abastecimento de água em São Paulo.

Está aqui, no site do PSDB paulista, para ninguém achar que é piada o que é realmente uma piada.

Os tucanos paulistas desconfiam que é uma armação do PT.

Como é que uma pesquisa pode registrar isso, se a mídia está toda preocupada com a “falta de luz” federal?

A Sabesp está com um comercial no ar dizendo que a culpa da falta d´água é da natureza, pobre coitada.

Teve seca na Austrália e até na Califórnia, como é que ia deixar de ter seca em São Paulo, este paraíso da modernidade e da capacidade de “gestão”?
Agora, as dificuldades do sistema elétrico, estas, claro, são da falta de capacidade do Governo Federal, certo?

Essa ganha toda a cobertura da mídia.

Embora nessa “crise” tenha uma tonelada de ganância.

Ontem O Globo deu manchete para asdistribuidoras de eletricidade, coitadas, “exigindo” providências imediatas do Governo Federal.

No mesmo dia , uma das geradoras privadas – ou melhor, privatizadas pelos tucanos -, a AES-Tietê, anunciou uma alta de 92,7% nos seus lucros líquidos do primeiro trimestre deste ano em relação a 2013, subindo de R$ 185,7 milhões para R$ 357,9 milhões.

O ex-ministro Alexandre Padilha que se cuide.

O PSDB ficou em polvorosa quando ele entrou de sola na questão da água.

E os tucanos vão entrar de sola sobre ele."
Enviar: Google Plus

About Antonio Ferreira Nogueira Jr.

Contato- nogueirajr@folha.com.br
Revista- WMB

    Blogger Comment
    Facebook Comment

2 comentários:

Antonio Gomes disse...

Mais um bloguinho PTista.....

Anônimo disse...

"A Sabesp está com um comercial no ar dizendo que a culpa da falta d´água é da natureza"

Só se for da natureza de muitos políticos que é a natureza do descaso com a população. Dizem que o verdadeiro volume morto está lá no congresso e que ele precisa ser imediatamente bombeado pra longe.