Só acredito vendo. MPF vai investigar Suiçalão


Miguel do Rosário, Tijolaço  

"Após forte pressão das redes sociais, o Ministério Público Federal anunciou que vai investigar o Suiçalão.

Infelizmente, é uma dessas coisas que a gente só pode acreditar depois do fato consumado.

Ou seja, só depois que tivermos certeza que o caso será investigado concretamente, e não esquecido numa “gaveta errada”, como o MP agiu, durante anos, com o trensalão tucano.

Investigar sonegador, além disso, nunca foi a praia do Ministério Público, sobretudo quando os investigados tem ligação na mídia, ou, quem sabe, é a própria mídia.

Vide o caso da sonegação da Globo, no qual o MP botou o rabo entre as pernas e fugiu com medo.

Entretanto, como a esperança é a última que morre, não vai matar ter um pouquinho de fé de que alguma coisa nova pode acontecer.

*

MPF anuncia investigação sobre contas do HSBC

SEX, 20/02/2015 – 22:47

ATUALIZADO EM 21/02/2015 – 08:36

Jornal GGN – A Procuradoria Geral da República (PGR) anunciou que começou a investigar as contas de brasileiros no banco HSBC. Suspeita-se de lavagem de dinheiro e sonegação fiscal. Segundo a PGR, a decisão foi tomada independentemente da solicitação do deputado Paulo Pimenta (PT-RS).

Pimenta oficiou o MPF, a Receita e o Ministério da Justiça. O Ministro José Eduardo Cardozo foi o mais dúbio ao se referir às investigações. Afirmou que o governo agirá, “desde que se configure a ser apurado no âmbito de nossa cobertura”.

Segundo o site RBA, Pimenta vem investigando o caso desde janeiro e apresentará suas primeiras conclusões à bancada o PT no Congresso.

Anunciou também reunião com representantes da apuração internacional que está sendo feita na Suíça.

Além de Pimenta, o deputado Valmir Prascidelli (PT-SP) protocolou requerimento na Mesa Diretora da Câmara visando formar uma Comissão Externa do Legislativo para investigar a lista."
Enviar: Google Plus

About Antonio Ferreira Nogueira Jr.

Contato- nogueirajr@folha.com.br
Revista- WMB

    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários: