O governo não é idiota de cortar direitos, diz Temer. Os idiotas somos nós, então?


Por Fernando Brito, Tijolaço -

Diz Michel Temer, sobre a redução dos direitos trabalhistas:

“Não é o que se alardeia, não é o que se divulga. Então se deixa de reproduzir a verdade dos fatos, e isso cria problemas para nós. Porque, convenhamos, é muito desagradável imaginar que um governo seja tão estupidificado, tão idiota, que chega ao poder para restringir o direito de trabalhadores, acabar com saúde e acabar com a educação”.

Ok, então por que é que desde que Temer assumiu, o assunto vem sendo aventado, quase toda semana? E não é por gente sem poder, não: o presidente da Confederação da Indústria e o Ministro do Trabalho!

Será que o presidente do Senado, Renan Calheiros – que pode ser acusado de tudo, menos de idiota – disse ontem que reforma previdenciária e trabalhistas não podem ser “a ferro e fogo” porque o assunto não existe?

Será que os idiotas somos nós, de achar que onde há essa fumaceira, há fogo?
Enviar: Google Plus

About Antonio Ferreira Nogueira Jr.

Contato- nogueirajr@folha.com.br
Revista- WMB

    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários: