Temer compra sapato chinês, que concorre com calçado brasileiro


Em vez de agir como mascate de produtos brasileiros na reunião do G20, Michel Temer fez o inverso; aproveitou um momento de folga para comprar um sapato chinês por R$ 389; produtos chineses são os principais concorrentes dos calçados brasileiros nos Estados Unidos e na Europa; se a ideia era "vender o Brasil", Temer marcou um gol contra e agiu como propagandista da indústria chinesa

Brasil 247 -

Michel Temer foi à China com a promessa de agir como mascate e "vender o Brasil", mas agiu como propagandista de produtos chineses.
 
Na viagem à China, ele aproveitou um momento de folga para comprar um sapato chinês por R$ 389, sem atentar para o fato de que os produtos chineses são os principais concorrentes dos calçados brasileiros nos Estados Unidos e na Europa.

O sapato da marca Satchi é fabricado na cidade chinesa de Foshan. Segundo a página da empresa na internet, "a marca é derivada de Florença, na Itália".

Temer também comprou um cachorro-robô por R$ 194,50.
Enviar: Google Plus

About Antonio Ferreira Nogueira Jr.

Contato- nogueirajr@folha.com.br
Revista- WMB

    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários: