Endividado, brasileiro já foge dos shoppings


Fluxo de visitantes nos centros de compras do País teve um recuo de 1,15% em novembro, comparado com o mesmo mês de 2015, segundo dados da Associação Brasileira de Shopping Centers (Abrasce); maior recuo foi na região Sul, com 2,07%, seguido por Sudeste, com 1,55%, e Nordeste, com 0,62%; no acumulado do ano, a baixa é de 3,7%; brasileiro sente o baque da recessão, aprofundada pelo golpe parlamentar que pôs Michel Temer no governo

Brasil 247 -

O fluxo de visitantes nos centros de compras do País teve um recuo de 1,15% em novembro quando comparado com o mesmo mês de 2015. Os dados são do Índice de Visitas a Shopping Centers (IVSC), realizado pela Associação Brasileira de Shopping Centers (Abrasce), em parceria com a FX Retail Analytics, empresa especializada no monitoramento de fluxo do varejo.

De acordo com o levantamento, o maior recuo foi na região Sul, com 2,07%, seguido por Sudeste, com 1,55%, e Nordeste, com 0,62%. No acumulado do ano, a baixa é de 3,7%. Por outro lado, impulsionado pela Black Friday, o mês de novembro teve um aumento de 3,5% no fluxo de visitantes nos centros de compras do país em relação a outubro, período marcado pelo Dia das Crianças e uma das principais datas do varejo.

Segundo o sócio-fundador da FX Retail Analytics, Walter Sabini Junior, a alta de novembro é significativa porque outubro já obteve um salto de 8% em relação ao mês anterior, e também vem mostrando reação na comparação anual. "O déficit anual, que chegou a quase 7% em maio, vem diminuindo mês a mês, e novembro registrou o melhor desempenho desde fevereiro deste ano, que fechou em alta", aponta o executivo.
Enviar: Google Plus

About Antonio Ferreira Nogueira Jr.

Contato- nogueirajr@folha.com.br
Revista- WMB

    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários: