Daniela Mercury: MBL é um grupo autoritário que odeia o povo brasileiro


Na tarde deste sábado (14), a cantora Daniela Mercury usou a sua conta no twitter para criticar o grupo MBL, após a turma liderada por kim kataguiri entrar com ação no TSE declarando a ilegibilidade de Lula; "Sabemos que o MBL é um grupo autoritário que defende a censura das artes, que se camufla de verde e amarelo, mas age como quem odeia o povo brasileiro", criticou.

Do Brasil 247 -

 Após o Movimento Brasil Livre (MBL) entrar com ação no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) declarando a ilegibilidade de Lula, antes mesmo do registro da sua candidatura à presidência, o grupo de extrema-direita foi alvo de diversas criticas nas redes sociais.

Na tarde deste sábado (14), a cantora Daniela Mercury usou a sua conta no twitter para criticar o grupelho. "Quem são o MBL? Um partido?Ou o quê? Um grupo de empresários? Sabemos que é um grupo autoritário que defende a censura das artes, que se camufla de verde e amarelo, mas age como quem odeia o povo brasileiro. #mostresuacara", condenou a artista.


Comentários